[RESENHA] O Silencioso Canto da Sereia: Baseado em A Pequena Sereia - Conto de Fadas Moderno #05 - Katy Regnery

05:00:00

O Silencioso Canto da Sereia: Baseado em A Pequena Sereia - Conto de Fadas Moderno #05 - Katy Regnery

Na trama O Silencioso Canto da Sereia, temos uma releitura do clássico A Pequena Sereia, a diferença entre os dois, é que essa história não é para criança ler, visto que contém vocabulário e muito conteúdo adulto. A história gira em torno de Laire, filha mais nova de três irmãs, seus pais são pescadores e vivem na Ilha de Outer Banks. Todos que moram lá são bastantes conservadores e mantem tudo na ilha quase como se vivessem esquecidos pelo resto do mundo. Quem nasce em Outer Banks, já sabe que toda sua vida se resumirá a ilha, mas Laire, deferente do resto da população e de suas irmãs, queria mais que aquilo, ela queria conhecer o mundo. Desde nova ela tem um talento enorme para desenhar e costurar roupas, ela é tão boa no que faz, que várias mulheres da ilha a procuram para terem modelos exclusivos. 
Seu maior sonho é sair da ilha e fazer um curso de moda, mas como perdeu a mãe precocemente pro câncer, sabe que seu pai jamais a deixará se afastar da ilha e da família. 
A família de Laire, além de pescadores, possuem um pequeno comércio, e é graças a esse comércio que a moça esbarrará com o amor da sua vida. Ela fica responsável pela entrega de caranguejos na casa do governador, chegando lá, ela conhece o filho mais velho dele, Erik , obviamente ela se encanta por ele, mas Erik é um forasteiro (assim são chamados as pessoas que não são da ilha), e como ela sabe que é impossível um romance entre um forasteiro e uma nativa, ela se nem se atreve a tentar um relacionamento, pois sabe que no fim do verão , ele irá embora. 
O que ela não sabe é que Erik é completamente o oposto do que ela pensa, apesar de sua mãe querer exibi-lo na festa para seus amigos e apresenta-lo como um futuro advogado e quem sabe um substituto de seu pai, ele não quer saber de nada daquilo, só pensa em viver sua vida como ele quer, e ao conhecer Laire, vê nela a oportunidade de pela primeira vez, fazer algo que realmente deseja. 
Laire consegue um emprego em um restaurante em uma ilha diferente da que mora, claro, tudo escondido do pai, pois ela sabe que ele não quer suas filhas atravessando de uma ilha para outra, é justamente nesse restaurante que começa o romance dos nossos protagonistas, todas as noites, Erik vai ao restaurante e assim ficam cada vez mais apaixonados um pelo outro e a gente por eles, porque eles juntos são tão incríveis que é impossível não torcer pelo casal. 
Mas calma amigos leitores, teremos uma reviravolta na trama, na qual nenhum dos dois protagonistas terão controle sobre o que ocorreu, e assim acaba a primeira parte do livro. 
Sim, temos a primeira parte, interlúdio e a segunda parte. No interlúdio, temos Laire relatando tudo que aconteceu com ela após aquele verão que deixou o jovem casal devastado. Durante seis anos, Laire escreve em seu diário, cartas como se fossem para Erik, uma a cada ano, só que claro, nenhuma delas foram entregues. 
A segunda parte do livro começa seis anos após com os dois seguindo suas vidas, Laire conseguiu se formar em moda e Erik seguiu o destino que sua família almejava, porém tornou-se um homem duro que deixou de acreditar no amor, diferente dos mocinhos dos livros que estamos acostumados a ler, que ao levar um pé na bunda tornam-se pegadores total, ele evitava as mulheres, ele sofreu tanto ou até mais que Laire, e descobre que ao reencontrar ela, o sentimento que tinha por Laire, não mudou em nada, apesar do passar dos anos. E já vou adiantar que é incrivelmente lindo ver os dois se dando a oportunidade de viver novamente aquele amor que tinham enquanto eram jovens... 
Se eu fosse definir esse livro com uma palavra seria: Maravilhoso! Fiquei completamente encantada com a trama, com os personagens tão bem trabalhados, a autora soube como transformar um conto de fadas clássico em um conto de fadas moderno e acertou em cheio. 
Ela tem um dom incrível de escrever, fui capaz de sentir todas as emoções dos personagens, sofri junto, amei junto e fui feliz junto! A obra completa é perfeita, a capa é muito bem trabalhada e linda, a história completamente apaixonante, personagens muito bem trabalhados, não encontrei nenhum erro ortográfico, diagramação impecável, tudo muito bem-feito! Super recomendo a leitura!

O Silencioso Canto da Sereia: Baseado em A Pequena Sereia - Conto de Fadas Moderno #05 - Katy Regnery

Leia O Silencioso Canto da Sereia

TALVEZ VOCÊ GOSTE

0 comentários

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *