[RESENHA] Meu Juiz: Marcos - Série Escobar #03 - Deby Incour

Meu Juiz , o terceiro livro da Série Escobar é uma história rápida e diferente dos outros livros, tem um estilo um pouco mais sério, mes...

Meu Juiz: Marcos - Série Escobar #03 - Deby Incour
Meu Juiz, o terceiro livro da Série Escobar é uma história rápida e diferente dos outros livros, tem um estilo um pouco mais sério, mesmo que você ainda consiga se ver rindo em alguns momentos entre os personagens e a família.
Marcos tem um passado triste, que não compartilhou com praticamente ninguém. Vive sua vida de uma forma “livre”, tendo muitas mulheres, mas amando demais sua família e mesmo não assumindo, tendo uma enorme atração pela melhor amiga de Liziara, esposa de David, seu sobrinho, a Beatriz. Quando ele se dá a chance de sentir algo, precisa lidar com um perseguidor, com o seu passado e com os receios que Beatriz carrega. 
Beatriz é uma mulher responsável. Com uma vida bem planejada, ela trabalha na faculdade em que estudou e precisa lidar com um “chefe” meio babaca e muito tarado. Tendo como melhor amiga Liziara, Beatriz acaba está próxima da família Escobar e consequentemente próxima de Marcos, um que vive em pé de guerra com ela, mas que mesmo assim, sente uma forte atração. Quando Marcos dá o primeiro passo para deixar o que sente mais evidente, lidar com os “reajustes” dos planos dela, com os receios e ainda precisar enfrentar seu “chefe” babaca pode ser demais para Beatriz, mas ela terá um apoio importante e é isso que acaba a salvando. 
Desde o primeiro livro, vemos que esses dois tinha uma implicância de amor e ódio, mas agora, vendo eles darem uma chance os torna muito fofos juntos! Era tudo o que eu esperava para eles. Mesmo sendo uma história rápida, a autora soube trabalhar a história e os personagens, os tornando carismáticos e explorando um assunto importante, como o assédio no trabalho e isso foi outro ponto a favor para a história. Porém, as frases “de efeito” de ambos, acabaram se tornando repetitivas e as algumas vezes desnecessárias, também senti falta de uma final que mostre o “futuro” deles. Apesar de saber que temos o livro da Daiane chegando, ainda quis muito um foco no futuro a longo prazo do casal e do presente deles, porém isso não tirou a beleza do livro. 
Contado em primeira pessoa, temos uma história com a dose certa de comédia, amor, conquista, sexo, amizade e o amor familiar. 
Com uma capa linda, a diagramação está impecável. Mostrando ambos os pontos de forma clara e não deixando espaço para confusão. No entanto, senti que faltou uma revisão final. Erros pequenos foram encontrados, mas nada que atrapalhe na leitura. 
É um livro rápido, tranquilo, gostoso de ler, muito quente e com seus momentos engraçados. Você se vê envolvida pelo drama que enfrentam, pelos personagens e claro, pela forma como construíram o relacionamento deles, com confiança e sem segredos.


Leia Meu Juiz

Talvez você goste

0 comentários