[RESENHA] O Culpado: Algumas coisas jamais podem ser esquecidas - Lisa Ballantyne

“ O Culpado ” é um livro intrigante, um drama que aborda a história de Sebastian Croll, uma criança de 11 anos que está sendo julgado por...

O Culpado: Algumas coisas jamais podem ser esquecidas - Lisa Ballantyne
O Culpado” é um livro intrigante, um drama que aborda a história de Sebastian Croll, uma criança de 11 anos que está sendo julgado por cometer o assassinato de seu amiguinho Bem Stroke, de oito anos. A história é dividida em duas partes, ora contando a história de Sebastian e ora o passado de Daniel, seu advogado. 
A autora conseguiu de forma tocante relacionar essas duas histórias, contando de uma forma muito delicada o passado de Daniel, que também foi uma criança problemática, com uma mãe drogada e conseguiu ser adotado por Minnie, uma mulher com um passado sofrido, mas com muito amor para dedicar ao seu novo filho adotivo. Durante a leitura vamos descobrindo todos os fatos marcantes que fizeram Daniel estudar e se tornar um excelente advogado e o que aconteceu para fazê-lo se afastar de Minnie, uma mulher tão importante em sua vida. 
Já a história de Sebastian é bastante focada durante o seu julgamento no tribunal. Durante muitos momentos me senti angustiada, entendendo que ele era apenas uma criança sendo julgada pelo assassinato, mesmo ele negando e não tendo provas concretas de que ele era o assassino. O acusado era conhecido como uma criança violenta e que não conseguia manter relações de amizade durante muito tempo. Mas ao poucos vamos percebendo os motivos dele se comportar dessa maneira. Uma parte interessante nesse livro é o julgamento de uma criança de apenas 11 anos, algo que não existe no Brasil, e vamos tentando entender o que se passa na cabeça dele durante esse tempo, que não compreende muito as consequências dos seus atos e a angústia dos seus familiares. É estranho imaginar uma criança como um réu, mas a experiência de entender um pouco como isso funciona é muito válido. 
Apesar de o livro ser dramático, ele também tem o suspense que nos faz querer saber se Sebastian matou ou não seu amigo e qual será o seu julgamento. E o que Minnie fez de tão grave para Daniel ter se afastado totalmente dela. Demorei um tempo para conseguir fluir na leitura, a história de Daniel é um pouco pacata, sem muitos desfechos, mas como intercalava entre os dois, não ficava cansativo. É uma história tocante, muito bem escrita, com personagens bem desenvolvidos e com um final que vale cada segundo do nosso tempo lendo. A capa é muito simples, não chama a atenção, assim como o título. Mas como não costumo julgar os livros pela capa dei uma chance e valeu à pena. Para quem gosta de leituras mais dramáticas, com histórias que poderiam ser reais, eu recomendo.


Leia O Culpado
 

Talvez você goste

0 comentários