[RESENHA] Alec: O que ALEC possui... ALEC mantém - Irmãos Slater #02 - L.A. Casey

Alec: O que ALEC possui... ALEC mantém - Irmãos Slater #02 - L.A. Casey
Eu ainda não sei se amo ou odeio Alec e Keela. Depois de conhecer a família Slater, me vi curiosa sobre a vida de seus irmãos depois de como as coisas terminaram no livro do Dominic. Então temos a história do Alec. Um ex garoto acompanhante, com um passado difícil, ele não quer se prender a ninguém. Ama demais a sua família, todos os irmãos amam. Eles dão tudo de si pela família, protegem e cuidam um do outro e com o Alec não seria diferente. Ter somente eles e as namoradas dos seus irmãos é o suficiente, até conhecer Keela. A garota que não o teme, não cai no seu charme e não cede as investidas dele, mas que agora precisa de sua ajuda, mais do que nunca. 

Keela é uma garota doce, mas que não leva desaforo a não ser da sua família. Tendo uma mãe terrível, ela sempre acaba abaixando a cabeça para as besteiras que a mãe lhe diz. Com uma autoestima baixa, em sua família, a única pessoa que ela gosta é o seu tio Brandon. No entanto, ela sabe que o seu tio tem uma vida obscura, mas quanto menos ela souber sobre os negócios, melhor para ela. 
Depois de uma decepção amorosa bem dolorosa, Keela não quer se envolver com ninguém, porém ela acaba precisando da ajuda de Alec. O homem pervertido que ela conheceu na saída de uma boate depois de ir ajudar a sua amiga Aideen. Ir para o casamento de sua prima ruim e o noivo cruel dela não estava nos seus planos, mas se não for, terá de lidar com a sua mãe e é a última coisa que ela precisa. Convidar o Alec para ser seu acompanhante acabou se tornando uma necessidade para lidar com a sua família, mas apesar das brigas e aparente repulsa que ela tenta mostrar, a atração entre eles é forte e lidar com essa atração durante a viagem de casamento será a sua prova. No entanto, não foi somente atração que eles acabaram sentindo um pelo outro, algo mais cresceu e quando tudo parecia ir bem entre eles, o passado retorna, a ameaça é feita e decisões dolorosas precisam ser tomadas. 
Assumo que senti uma enorme raiva do Alec. Compreendi o motivo, mas isso não justificou. Da mesma forma que senti uma enorme raiva da Keela. Palavras duras foram ditas e ações cruéis foram tomadas, mas eles irão precisar lidar com isso, quando o passado vem perseguir a família Slater e eles precisar salvar a si mesmos e a todos. Apesar de ver aqueles que fizeram mal retornar, acho que senti mais ódio pela mãe de Keela. Ela merecia um castigo duro por ser tão fria, frívola e gananciosa. Uma mulher horrível e não merecia a filha que tinha. 
Conhecer Alec e Keela me fez estar apaixonada novamente pela família Slater. Apesar do excesso de ofensas e palavrões, eu me encantei pelo casal. Eles me fizeram rir e ter vontade de chorar. Ver o lado doce do Alec foi maravilhoso e ver toda a fofura de Keela foi encantador. Queria mais a família durante o livro? Sim, eu queria, mas compreendi que foi necessário a forma como a autora conduziu a história, porque ambos não queriam nada. Keela demonstrava odiar Alec e Alec não queria nenhum relacionamento. Eles precisavam estar juntos de verdade para se conhecerem e deixarem o sentimento crescer dentro deles. 
Amei Alec mais que Dominic? Não, acho que apesar de tudo, ainda tenho um forte amor pelo Nico. 
A capa do livro é maravilhosa. Combina demais com o Alec e saber que manteve a capa original foi simplesmente apaixonante. A diagramação também está linda, apesar de eu ter achando a letra meio pequena, mas não me atrapalhou em nada na leitura, no entanto, é necessário mais uma revisão. Existem pontos onde não deveria, excessos de espaços e até nomes errados. Mas fora isso, ainda sou apaixonada demais pelo livro, pelos personagens e incluo a família, os amigos, as namoradas, os cachorros... Todos os personagens mesmo. Amo a família Slater e para sempre irei amá-los.


Leia Alec

Nenhum comentário:

Postar um comentário