[RESENHA] Crash: Quando a Paixão Explode - Crash #01 - Nicole Williams

Crash: Quando a Paixão Explode é um livro maravilhoso, que me fez amar e suspirar eternamente. Não sei bem lidar com o Jude e a Lucy. Do...

Crash: Quando a Paixão Explode - Crash #01 - Nicole Williams
Crash: Quando a Paixão Explode é um livro maravilhoso, que me fez amar e suspirar eternamente. Não sei bem lidar com o Jude e a Lucy. Dois adolescentes com problemas diferentes que se encontram ao acaso em uma praia e agora precisam lidar com a atração que sentem um pelo outro, além dos problemas que carregam consigo. 
Lucy é uma eterna amante da dança. Seus pais perderam coisas importantes e agora estão tendo de adaptar à nova vida deles. Escola nova, Lucy perdeu muito, porém ela está pronta para continuar com o seu objetivo de salvar quantas vidas puder e se formar, pensando em ir para uma boa faculdade de dança. Ela só não esperava encontrar e começar a sentir algo pelo Jude, um bad boy com uma longa ficha de delitos e que mora em um abrigo com “crianças desajustadas”. Uma amizade improvável começa entre eles, a atração gritante se faz presente na vida de Lucy e ela precisa lidar com isso antes que se machuque ou se arrependa de suas escolhas. 
Jude sempre foi considerado um garoto problema. Arruma confusão mesmo quando não quer, ele continua passando pela vida, não luta pelo o que realmente deseja acreditando que não mereça nada de bom. Sem os pais em sua vida, Jude vive hoje em um abrigo e não deseja uma namorada, somente alguém para passar um tempo e seguir em frente, porém tudo muda quando Lucy, uma garota que sabe responder as idiotices dele, sabe dizer não e ama salvar as coisas entra em sua vida e abala tudo o que ele acreditava. 
Lucy tem problemas com a família, além de ter perdido alguém importante. Jude é um garoto problemático que está sozinho no mundo e é atormentado pelas escolhas de outras pessoas. Duas pessoas machucadas se unem e uma explosão de sentimentos vem junto, além de uma verdade que pode destruí-los, fazendo com que eles aprendam a lidar com o passado e as suas dores, ajudando-os a crescer e se tornarem pessoas melhores. 
É um bom livro, o que me desagradou foi que parecia estar lendo uma história corrida. Os fatos aconteceram rápido demais e um em cima do outro, tornando o livro meio corrido. Além disso, senti falta de amigos. Apesar da Lucy ter conhecido a Taylor e suas amigas, ainda assim, senti falta de uma real conexão com alguém. Estar ligada somente a Jude e ao jeito protetor dele foi fofo, mas faltou algo a mais tanto para Jude quanto para Lucy, além do fato de não ter sido abordado mais o lado dançarino da Lucy, algo que ela mostrou amar, mas não houve foco nisso, somente na adolescente se apaixonando pelo bad boy e precisando lidar com as consequências de gostar do cara mal da cidade. 
Porém, eu adorei o fato do livro abordar temas como bullying, preconceito quanto aos “menos favorecidos”, amadurecimento, consequências das escolhas que as pessoas fazem, além de grandes reviravoltas, o que tornou a leitura gostosa e eu adorei as surpresas. 
Com uma capa incrivelmente maravilhosa, a editora nos deu uma diagramação bonita e com uma boa revisão, tornando a leitura fácil e rápida. Algo que com certeza me conquistou e atraiu. 
Não sei bem o que esperar do próximo livro, mas desejo imensamente saber como será a vida dos dois na faculdade e amaria ter o ponto de vista do Jude e não só da Lucy, algo que esperei encontrar nesse livro, mas não houve um pedaço do nosso querido bad boy.


Leia Crash

Talvez você goste

1 comentários

  1. Oi, Yukie
    Eu gostei do livro mas achei tudo clichê demais, parece que o Jude era o mesmo tipo de playboy que eu via nos demais livros e senti falta de um aprofundamento maior entre Lucy e a dança. Quando descobri que tinha continuação nem cogitei ler, confesso.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com/

    ResponderExcluir