segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

# Editora HarperCollins Brasil # literatura estrangeira

[RESENHA] Uma Dobra No Tempo - Uma Dobra No Tempo #01 - Madeleine L'Engle

Uma Dobra No Tempo - Uma Dobra No Tempo #01 - Madeleine L'Engle
Uma Dobra no Tempo é pura ficção científica. Temos visitas a outros planetas, alienígenas, mudança de um planeta para o outro em um piscar de olhos, ciência, um pouco de matemática e claro, um ser malvado que está pronto para controlar tudo.
Contado em terceira pessoa, acreditei que esta seria uma leitura difícil, mas fluiu muito bem e quando vi, já tinha acabado. 
Meg e Charles são dois irmãos e são crianças especiais. Um tem uma grande teimosia e inteligência, principalmente em matemática, o outro tem o orgulho e extrema inteligência, junto com um lado meio sensível, como se seu cérebro funcionasse em uma frequência diferente, algo que não conseguem explicar, mas existe e é de suma importância no decorrer do livro. Os irmãos estão sem o seu pai. Um dia, ele saiu para trabalhar e não voltou, mesmo que por um tempo sua mãe tenha mantido contato, tudo parou e ele simplesmente sumiu. Um ano se passou e em meio a uma noite chuvosa, uma mulher estranha vem até a sua casa, pedindo abrigo para fugir da chuva e por estar perdida, e acaba mostrando saber de coisas, coisas essas que sua mãe cientista também sabe, como o Tesserato.
Quando Charles e Meg decidem ir encontrar essa mulher e suas amigas para saber mais sobre o Tesserato, eles conhecem Calvin, um menino diferente, que sabe fingir que essa diferença não existe, principalmente na escola. Encontrar essas mulheres trouxe uma enorme aventura intergaláctica para salvar a todos da Coisa Escura, o mal que vem dominando alguns planetas e que precisa ser combatido, além de salvar o pai das crianças. Chegar no planeta onde a Coisa Escura domina e controla é onde a verdadeira batalha começa e é lá que acabam perdendo o Charles para a Coisa Escura e salvando o pai, fazendo com que a fuga seja necessária para não perderem a si mesmos contra a coisa escura e conhecendo outros seres que lutam.
Perder o Charles não era algo que a Meg queria e nem aceita, ela precisa voltar e descobrir qual a arma mais poderosa que ela tem e a coisa escura não, só assim será capaz de talvez salvar o seu irmão mais novo, porém a necessidade de voltar se faz presente para salvar o Charles e somente a Meg pode salvá-lo, mesmo que ela ainda não tenha descoberto como fazer isso, apesar das pistas dadas a ela.
O livro é muito legal. Você acaba se envolvendo com toda essa batalha e descoberta, com essas viagens e conhecimentos. Você se torna um dos personagens e não consegue sair deles, criando uma enorme ânsia de saber o final, quem realmente é o bem e o mal, além de se envolver em meio a alguns conhecimentos, sejam fictícios ou não.
Senti que faltou uma explicação melhor no final? Sim, senti. Parei e me perguntei: o que aconteceu com eles? 
Além de ter desejado em alguns momentos dar uns tapas na Meg por algumas atitudes dela. No entanto, ainda foi um final bom para o livro. Junto a isso, temos uma capa maravilhosa e a edição da HarperCollins Brasil é capa dura! Com a revisão e diagramação maravilhosas, além de uma história incrível. Eu adorei o livro e recomendo a leitura para qualquer um, em qualquer idade.


Uma Dobra No Tempo - Uma Dobra No Tempo #01 - Madeleine L'Engle

Leia Uma Dobra no Tempo
Amazon - Saraiva - Submarino - Americanas - Shoptime - FNAC - Cultura - Folha

Nenhum comentário:

Postar um comentário