Zane - Patrícia Rossi

Sinopse:
Zane Hudson.

Motoqueiro.
Músico.
Tatuado.

Quinn Armentrouth.
Alta sociedade, luxo, glamour.
Tudo no mundo para separá-los.

Ele sabe o que é abandono.
Ela já foi traída.
Uma ex perseguidora.
Um ex que não aceita perder.
Eles pertencem a mundos diferentes.
Mas nem por isso a química entre eles é menor.
A atração é explosiva, instantânea.
Uma mãe que abandona...
Outra que repreende.
Percalços.
Sexo, romance... amor.
Essa paixão seria forte o suficiente para mantê-los unidos?
Zane foi o livro para me deixar quente e totalmente apaixonada.
Um homem lindo, com alguns problemas difíceis no passado e uma ex-psicopata, acaba conhecendo e sendo o herói da Quinn, uma mulher que vem de uma família rica, mas diferente de muitas mocinhas vindas desta classe social, não tem um perfil esnobe e metido. Posso até dizer que ser lembrada a todo momento que era uma garota rica a incomodou profundamente, algo que a tornou mais humana no meu ponto de vista.
Já o Zane, com seu passado conturbado, não o tornou um homem frio e com um lado sombrio, mas sim um homem precavido e com um coração maravilhoso. Mesmo que ele ainda tenha aquele sorriso cafajeste irresistível e um ar de homem mau, com certeza o Zane ganhou meu coração.
Ambos lutaram bravamente contra os seus sentimentos, principalmente devido ao medo de se magoarem por conta do passado que eles carregam e ainda tem de enfrentar. Porém a atração entre eles é inegável, além de juntos serem como fogo e gasolina, juro que em muitos momentos livro, precisei parar e respirar, porque eles são incríveis juntos.
Um livro em terceira pessoa, intercalando os pontos de vistas e as vezes misturando tornou um pouco confuso, no entanto não é difícil de compreender. Eu tenho preconceitos sim, com livros em terceira pessoa, mas quando vejo que a leitura está fluindo, até esqueço deste fato e com certeza este livro foi assim. Um pouco confuso no começo, mas depois que peguei o jeito, foi impossível largar.
No entanto, o toque especial deste livro, foram os obstáculos que eles tiveram de enfrentar e a forma como enfrentaram. Além de lidarem com o passado colidindo com o presente, também temos pais um tanto quanto preconceituosos, além do medo de não serem o suficiente um para o outro. Eu sinceramente vi quando o amor é capaz de superar barreiras que o destino joga e a beleza do sentimento, quando param de esconder e decidem viver intensamente.
Zane - Patrícia Rossi
Além disso, temos uma capa incrivelmente sedutora. A imagem combinou o Zane que imaginei e também posso acrescentar que a tipografia é linda e acabou tornando agradável de se ver. A diagramação está simplesmente maravilhosa. A editora, como sempre, usando detalhes lindos e incríveis tornou a leitura bem mais fluída e leve, além da revisão deste livro estar bem mais trabalhada.
Sinceramente sai suspirando por este livro. Encantador, quente e totalmente romântico. Cada linha lida foi um amor mais forte nascendo em mim por este livro. Não consegui largar até ter terminado a última linha do livro e ainda desejei por mais desesperadamente. Aconselho a todos conhecerem o Zane, pois sei que irão amá-lo tanto quanto o amo.

Adquira Zane.

Um Comentário

  1. Ai, que linda resenha!!!!!!!! Obrigada por ele, linda! Feliz, muito feliz que tenha gostado! Amei como você captou as nuances da história! Suspirando aqui! Um grande beijo! Patrícia Rossi.

    ResponderExcluir