Hard. Sua pior luta será contra o desejo - Missy Castelli
Sinopse:

A infância de Diego Muniz não foi nada fácil. Bem, pelo menos, não o que ele lembra dela. Abandonado pelo próprio pai em um orfanato após a morte de sua mãe, o garoto de olhos verdes e assustados só voltou a conhecer o amor familiar quando foi adotado pelo famoso lutador Chris Hard, em uma de suas rápidas visitas ao Brasil. 
Com sua nova vida em um país distante, Diego agora é Nick Hard, o sucessor de seu pai nos ringues. Por onde passa, Nick conquista troféus e corações. Os troféus Nick guarda, os corações ele rejeita assim que se cansa. 
Apesar de seu jeito temperamental e fechado, Nick conquista o amor de todos que o cercam e tem a oportunidade de conhecê-lo profundamente. 
Quando Blair Miller, sua nova fisioterapeuta, entra em sua vida, Nick descobre que terá que lutar contra algo maior que seus adversários: ele terá que lutar contra o desejo que sente pela misteriosa mulher. 
Um romance intenso, sensual e provocante, que aguçará seus instintos mais profundos e te fará perder a cabeça.
Quando vi a capa e a temática do livro "Hard. Sua pior luta será contra o desejo", pensei: eu vou amar. Criei altas expectativas e no fim me decepcionei um pouco. Apesar de ser um livro relativamente bem escrito, faltou algo, faltou o principal. A luta.
Nickolas Hard é um homem maravilhoso, com um histórico de abandono, traição e superação. Blair é praticamente uma mãe jovem, com uma criança extremamente problemática e outra que precisa de atenção. Ambos tiveram maus momentos e lutam por algo. Nick procura o que falta em sua vida, mesmo que ele seja filho de um grande lutador e tendo tudo para se tornar um melhor ainda, ele sente que falta algo. Blair quer viver. Sem medo, sem problemas do nível que ela estava enfrentando, ela só está à procura da sua felicidade.
Um emprego acaba surgindo na vida da Blair e que tem tudo para começar a ajudá-la com as contas, mas ela não esperava era ter de lidar com um lutador mulherengo e extremamente quente, além de ser um homem extremamente gentil quando quer, com um sorriso sedutor e um jeito de badboy maravilhoso, que te encanta e enlouquece. Mas para Hard as coisas também não serão fáceis, ele encontra algo grande a sua frente, uma fisioterapeuta linda, carinhosa, com um sorriso encantador e um jeito de menina no corpo de uma linda mulher, além de ter enormes problemas em sua vida. Com o desenrolar do livro, conclui que este livro trabalha com assuntos interessantes, como drogas, adoção, abandono e superação.
Porém a autora deixou um pouco a desejar na forma como abordou. Ela mostrou que existem os problemas e as soluções, mas ela acabou focando mais na parte erótica do livro, o que tornou um pouco enjoativo, admito, mas também acabou fazendo o livro ser corrido e não bem explorado. Senti falta da abordagem dos assuntos, introduzir a parte erótica e trabalhar os outros pontos foi algo extremamente necessário para conseguir me fazer ficar focada no livro, mas não foi assim.
A autora fez ótimas escolhas dos temas para trabalhar, mas acabou que não trabalhou tanto neles. Outro ponto que poderia ter sido a favor do livro, mas também ficou defasado foi ter uma criança na história. Mostrar o lado doce da menina, como ela foi recebida pelo Hard em sua vida, um pouco da visão dela, mesmo que tivesse sido contada pelos personagens principais, sinceramente, a criança acabou se tornando uma personagem terciária, sendo que usando a irmã da Blair tornaria o livro mais cativante. E como eu disse anteriormente, o fato do Hard ser lutador, não foi tão bem explorado. Apresentou os treinos, mas apenas. Não houve um "dia-a-dia" na academia, ficou extremamente focado na cobiça que os personagens sentiam um pelo outro, nem a luta em si foi tão bem trabalhada. Mesmo que a autora tenha mostrado que cada escolha traz uma consequência, foi somente isso. Eu senti muito a falta de um enredo melhor, fugindo do sexo, da atração e da vontade de ficarem juntos. Sinceramente terminei o livro bem decepcionada.
Entretanto, a capa do livro é linda. Combinando bem a tipografia e as cores, a capa em si é bem atrativa. Além da revisão estar bem-feita, que são pontos positivos para o livro. Creio que este livro abre espaço para o "não me agradou, mas pode lhe agradar", por isso, aconselho a leitura e tirar as próprias conclusões.


Adquira agora Hard.

2 Comentários

  1. Eu adoro livros com lutadores, e confesso que vim ler toda animada. Como assim é um livro de lutador e não tem lutas? aff

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A autora deu mais foco na parte erótica do que nas lutas. Eu realmente senti falta disso no livro, :((

      Excluir