Follow Us @dayukie

sábado, 13 de fevereiro de 2016

[RESENHA] Por que aceitei aquele pedido? - Renata Varela

Sinopse:
Lilly não quer se casar. Idealiza uma vida de viagens, liberdade e sem compromissos. Mas não precisa estar sozinha; Não. Don, seu namorado desde os tempos da faculdade, está em seus planos para o futuro, mas como um namorado tranquilo, conhecendo o mundo juntos e morando em apartamentos separados. Só que Don quer outra coisa.

Na noite de ano novo, com mais de cinqüenta pessoas de testemunha, Don se ajoelha e... pede Lilly em casamento. Em pânico, sem saber como rejeitar um pedido tão genuíno, ela acaba dizendo "sim", mas se arrepende profundamente quando percebe que a vida de casada não é para ela, e começa a se fazer a pergunta: Por Que Aceitei Aquele Pedido?

Um conto leve, divertido e meio maluco. 
Lilian ou simplesmente Lilly, está em um grande dilema: aceitou o pedido de casamento do seu, até então, namorado de anos. Porém, ela crê fielmente não querer se casar, para não perder a sua liberdade e assim começa sua loucura interna.

Ela vê todos só falando do seu casamento, todos planejando e ela procurando uma saída pra fugir deste "problema" em que se meteu. Planos da família, a felicidade estampada em Don, seu noivo, quanto ao casamento e até sua melhor amiga, Rachel, também louca de felicidade em ajudar a planejar o casamento.

Lilly tendo ataques de pânico e asma a cada vez que o casamento é mencionado e ela tentando acabar com tudo, sinceramente me deixou meio frustrada. Veja, entendo o lado dela não querer magoar o Don, afinal, o homem é um amor, mas só de mencionar o casamento a garota parece que vai morrer? Meio exagerado. Enfim, voltando. Don também errou nesse planejamento, afinal, ele começou a tomar algumas decisões sem a Lilly saber e acho que aqui começo a dar mais créditos a ela. Também não iria gostar de ver tomarem decisões por mim.

Até que a Lilly surta de verdade e pede um tempo. Foge com a Rachel pra praia e tenta esquecer de todos os problemas, mas uma hora a realidade chama e ela mereceu o que perdeu, mas também mereceu o que ganhou.

Eu achei o final desse conto digno, mesmo que eu tenha torcido para não terminar daquele jeito, mas depois de ver alguns pontos, vi que todos merecem uma chance e ela ganhou a dela.

Porém, Don é bom demais pra Lilly. 
Esse conto, contado totalmente no ponto e vista somente da Lilly, foi tão gostoso de ler, além de me instigar a querer saber o final, querer saber até onde vai a paranoia da Lilly.
Vale a leitura, poderia ter trabalhado mais no romance, mas para esse conto, foi na medida certa.
Leiam, vocês irão adorar!

Adquira já este conto lindo, lá na Amazon!

Nenhum comentário:

Postar um comentário