Sinopse:
Quando Angie se vê frente a frente com seu velho inimigo, Zach, "bastidores de negociação" assume um significado totalmente novo. Como advogados em lados opostos de um caso, eles têm muito o que discutir. Ela é ambientalista. Ele é advogado consultor de uma grande construtora.Mas lidar com clientes difíceis, com a interferência da família, amigos, e batalhas judiciais, se mostra mais fácil do que enfrentar uma atração mútua crescente que ameaça sair do controle. Apesar de Angie querer acreditar que há mais na vida do que documentos jurídicos, ela já foi magoada antes. Será que ela pode confiar em Zach, ou as complicações de seu passado de playboy vão inviabilizar qualquer possibilidade de um felizes para sempre?
(Nota: Embora este seja o terceiro livro da trilogia de Santa Monica, ele pode ser lido separadamente)

Que livro maravilhoso de ler. Se for lançar em físico, eu com toda a certeza do mundo comprarei. Foi tão gostoso de ler que comecei e no mesmo dia terminei, ou seja, mais um livro devorado por mim!
Angie e Zach iniciam o livro se "odiando". Angie o vê como um galinha e Zach como a maluca que está processando sua empresa.
Eu amei ver que a Angie é uma mulher forte, decidida e lutadora. Da mesma forma que amei ver o Zach deixando de babar por qualquer rabo de saia e só pensar na Angie.
Em qualquer livro, é muito difícil eu gostar da mocinha. Normalmente elas me irritam, mas neste eu adorei conhece-la! Que eu iria me apaixonar pelo Zach não é novidade. A atitude meio bad boy, empresário, lindo, sedutor e confuso iria me conquistar, eu sabia disso, mas a Angie me surpreendeu. Ela soube se impor quando necessário, talvez pelo perfil de advogada dela, mas eu simplesmente adorei ela.
Contada em terceira pessoa, a história começa com um processo aberto contra S&L, a empresa do Zach. Angie defendendo o seu cliente com câncer e sua esposa, pois eles "precisam sair" da sua casa para que o projeto do Zach dê certo, em nome do "progresso" e é assim que eles começam a se aproximar. Sim, se aproximar, pois eles se conhecem a muito tempo e mesmo que Angie tenha um pequeno amor platônico desde sempre por Zach, ele nunca parou para realmente reparar na Angie, bem, até agora. A convivência que este processo trouxe para os dois, fez a tensão sexual crescer e mais, sentimentos nascerem e aflorarem. O que era platônico, hoje é casual e o que era desejo, hoje é "não consigo tirar você da minha cabeça".

Depois de um acordo que encerra o caso, esse casal começa a se envolver, um convite pra jantar e bem, sexo. Muito sexo, mas a autora soube trabalhar isso. O livro em si não tornou-se sexo em cada página, mas doses picantes e na medida certa.
Zach começa a se entregar, a aceitar seus sentimentos pela Angie e querer mais que apenas sexo, porém pra Angie é diferente. Ela sempre o viu como seu "sonho platônico", o cara galinha que não a quer, um cara que não tem relacionamento a longo prazo. E quando ele a confronta sobre o futuro, porque sim, é isso que ele quer com ela, as coisas ficam complicadas. E bem, é aqui que eu digo: leia e saiba o quanto é maravilhoso a história deles.
Foi maravilhoso ver o amadurecimento do Zach, irritante ver algumas atitudes da Angie e lindo de presenciar o amor deles evoluindo.
Cativante e apaixonante, é assim que defino este livro.
Se pecaram na capa? Sim. Ficou parecendo muito romance de banca de jornal, porém o conteúdo do livro compensa. 
Eu adorei conhecer este casal e assistir de camarote como precisou de uma ação judicial para que uma linda história de amor começasse. Além de ver Zach ser um Príncipe quente e amoroso, e uma Angie deixar seus medos de lado e mostrar que ela também pode lutar pelo o que ela deseja.
Sinceramente, um romance bem de mulherzinha mesmo, pois exala amor, fofura, carinho, cuidado e segurança.
A leitura vale a pena, por ser tão gostoso e cativante a forma como a autora colocou o romance deles, a forma como fez o casal enfrentar seus problemas e resolvê-los.

Adquira já!
Amazon
Kobo
Itunes

Deixe um comentário