Follow Us @dayukie

sábado, 14 de novembro de 2015

[RESENHA] Ainda mais perto - Homens de Roterdã #2 - Márcia Lima


E a continuação do livro Tão Perto tinha que ser tão interessante quanto a primeira.
No final do primeiro livro, pudemos ver que o Adrian fez besteira e perdeu seu melhor amigo e sua garota, mas ele está disposto a lutar por eles.

Sinopse:
Você perdoaria uma traição?
E se fosse acusada injustamente, você perdoaria o homem que ama e lhe daria uma nova chance?
Às vezes o tempo cobra de nós um preço alto demais por nosso próprio orgulho.
Depois do rompimento, a advogada Laura Soares se muda de volta para Amsterdã e tenta retomar a vida tranquila que tinha antes de conhecer Adrian Van Galagher. O problema é que ele não é um homem fácil de esquecer, especialmente se você carrega um filho dele no ventre.
Morando em uma nova casa, com uma nova vizinha, Laura começa a reconstruir sua vida, até que o passado volta a rondar a vida de Adrian e a dela. Depois de descobrir que cometeu um erro, o empresário Adrian Van Galagher decide mudar de estratégia e reconquistar a confiança do melhor amigo. Com Alexander ao seu lado, ele segue em busca de sua própria redenção – Laura.
Intrigas, traições, culpas, medos. Adrian e Laura são levados ao limite com a chegada de um antigo conhecido, capaz de esfolar velhas feridas. Amor, cuidado, paixão, determinação e um acidente que pode mostrar que nem sempre existe tempo suficiente para se viver os sonhos.

--

Esse livro começou com o sofrimento do Adrian pela burrada dele. Perdeu a sua garota grávida e seu melhor amigo, por uma desconfiança descabida, o fazendo entender que precisava mudar seu jeito urgentemente, claro, com um pequeno apoio do John, seu filho mais velho e companheiro, que sinceramente, parecia mais pai do que o próprio pai. HAHA
Adrian começa a lutar para reconquistar aquilo que perdeu, porém alguns problemas surgem, como o amante da sua ex esposa trabalhando com a Laura, a sua ex sogra, Margarida sabendo do cancelamento do noivado e a maluca da Alissa.
Bem, a história em si foi meio corrida, não houve enrolação, o que é bom, mas talvez tenha ficado algumas lacunas, sabe? Faltando coisas. Mas enfim.
Adrian tentando se aproximar da Laura e ganhando espaço de novo na vida do Alex, que sinceramente, é um amor. Não é de ficar remoendo e guardando rancor. Estava chateado, mas nada de "estou muito puto e ficarei para sempre".
A história ganha uma grande reviravolta, quando a maluca da Alissa "sofre um acidente" e ganha a neném, acho que foi esse momento que aproximou todos de novo.
A pequena Louise nasceu prematura e uma grande descoberta foi feita. Sinceramente, acho que foi a primeira autora que tratou de um assunto delicado como o de Louise, portadora de síndrome de down, foi rejeitada pela mãe, porém o pai a aceitou e demonstrou que a amaria, não importando suas condições ou as dificuldades que passariam.
Essa foi a melhor parte da história, ver que o Alex aceitaria a pequena diferença da sua princesa.
Enfim, foi nessa crise entre lidar com Alissa recusando a filha, que aproximou Adrian e Laura, até é claro, algo inesperado acontecer, como o acidente do Adrian.
O que o medo não faz, né? Foi com medo de perder o Adrian, que a Laura o perdoou. Mesmo que tivessem pendências sobre o passado dele para esclarecer, como o porque existir a briga entre ele o Jens (ex amante de sua ex esposa), Laura o perdoou e mostrou o quanto o amava, indo todos os dias ficar com ele no hospital, cuidando da sua empresa, sua casa e seus filhos como se fossem dela.
Enfim, ele acordou, voltou pra casa e teve todos os cuidados que precisava da sua mulher e recebendo todo o amor de seus filhos. Em paralelo a isso, Margarida tinha entregue um diário da sua filha para Laura, para conseguir esclarecer os buracos do passado e conseguir se redimir antes que a sua doença a matasse.
Acho que foi assim que o peso da culpa, saiu das costas do Adrian também, quando Margarida conversou com Adrian e tirou um pouco isso dele, explicando que sua filha foi uma cadela, interesseira e traidora.
O clímax do livro, foi o sequestro da Laura, o desespero do Adrian, a aproximação do Adrian com o pai e Jens, além da morte da maluca da Alissa. E é claro, o nascimento da Aurora.
Acho que me comoveu muito ver que Laura e Adrian deixou Jens escolher o nome, aproximar-se do seu filho e começar a fazer parte de uma família de verdade, sabe? Ele quem foi solitário por muito tempo, ter isso, foi realmente lindo.
Essa história é sobre perdão e amor, muito amor.
Se eu achei fofo? Sim, achei. Mesmo que eu acredite que poderia ter sido mais explorado, é bem gostoso de ler.
Se eu recomendo? Sim, recomendo. Leiam se desejam uma coisa mais leve, gostosa e romântica.
Além disso tudo, posso dizer que a capa desse livro combina muito com o tema. Te instiga a querer saber o porque daquela capa e não fugiu da identidade visual do primeiro livro. Eu achei super lindo isso. HAHAHA
Enfim, confiram! O livro encontra-se disponível na Amazon e infelizmente não tem físico ainda. Mas sim, vale a pena a compra em e-book!



Nenhum comentário:

Postar um comentário