Follow Us @dayukie

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

[RESENHA] Morra por mim - Revenants #01 - Amy Plum

História sobrenatural, com um meio morto maravilhoso e Paris.
Tem como não amar?
Um livro tão gostoso de ler e tão leve que me fez praticamente devorá-lo.
Viver em Paris através da Kate torna o livro simplesmente encantador e então você acrescenta um meio zumbi delicioso, lindo, romântico e perfeito e o livro fica simplesmente maravilhoso!

Sinopse:
Depois que seus pais morrem em um acidente de carro, Kate e sua irmã, Georgia, vão morar com os avós em Paris. Enquanto Georgia encontra na balada a cura para sua tristeza, Kate é mais introspectiva e se recusa a sair e se divertir, até resolver ir para um café com seus livros para tomar um pouco de sol. Ela conhece Vincent, um belo e misterioso garoto parisiense. Ao se relacionar com o menino e descobrir sua história, Kate tem que escolher entre deixar sua paixão de lado e seguir a vida em segurança, e assumir seus sentimentos e toda a complicação que seria namorar alguém imortal e com inimigos, e mudar para sempre sua vida.
"Eu sabia que existia algo diferente em Vincent. Eu tinha sentido isso, mesmo antes de ver sua foto no obituário. Era algo distante de mim, e muito obscuro para eu conseguir entender. Então eu ignorei. Mas agora vou descobrir quem ele é."
--
Kate perdeu os pais a pouco tempo e mudou-se para Paris com Geórgia, sua irmã mais velha para a casa dos seus avós, que diga-se de passagem, são uns amores.
Após sofrer um bom tempo o luto e a depressão trancada em seu quarto, por sua irmã e um pouco por si mesma, Kate começa a sair de casa para frequentar uma cafeteria pariense com seus livros.
Em uma dessas visitas ela conhece o Vicent, o meu amor. HAHAHAHA
Nessa cafeteria, um dia desses, algo estranho ocorre e Kate quase morre, se não fosse por uma menina a chamando para ir até lá.
Após esse fato estranho, ela acaba conhecendo de verdade Vincent e ele a chama para sair. Porém no primeiro encontro deles, alguma coisa que até então a Kate não entendia ocorreu e ela acabou presenciando a morte de Jules, um cara incrivelmente lindo e amigo do Vicent. 
Aqui coloco um adendo: ela descobriu porque foi curiosa. Ouviu atrás da porta e ainda seguiu os meninos, coisa feia hein Kate! HAHAHA
Voltando, após presenciar a morte de Jules, ela simplesmente falou asneira pro Vicent e partiu. Mas claro, como precisamos de romance, ela acaba descobrindo algumas fotos e encontrando Jules novamente.
Bom, digamos que a história começa agora.
Primeiro que, ela gosta do Vicent, mas ela descobriu algo "peculiar" sobre ele, o garoto tem uma forte tendência a ficar morrendo para salvar os outros e depois ele revive, com os seus lindos 19 anos. Mas o que "estraga" um pouco isso, é o fato que como a Kate teve algumas perdas na vida dela, é difícil para ela ficar presenciando a morte repetidas vezes.
Outro pequeno problema para a Kate, é o guardar segredo de Vicent das pessoas que ela ama, ou seja, principalmente sua irmã curiosa.
Porém, o que causou mesmo o "estopim" para Kate foi ela ver a morte de Charles, amigo e Revenant - morto-vivo - morrer para salvar algumas crianças.
Enfim, antes de se afastarem, preciso dizer que.. Morri de inveja da Kate. O cara foi perfeito com ela, respeitando-a e sendo um fofo o tempo todo. A levando para sair e conversar com ela por horas, ser um namorado extremamente carinhoso e o primeiro beijo deles ser na Pont Des Arts me conquistou loucamente!
Vincent, porque você não é perfeito aqui comigo? Romântico, lindo e carinhoso.. Além de ter esse jeitinho de bad boy pariense! Cadê um assim pra mim?
Enfim, depois disso vem a reconciliação (que começou na chuva, super clichê, mas super romântico) e a a parte principal, a luta da Kate contra o inimigo de décadas de Vinci, para manter o corpo do Vinci "vivo". Achei super digno de prêmio a forma como a Kate lutou com tudo dela para preservar o corpo do seu amor, o quão lindo pode ser a ligação deles, provando isso, no momento em que ele "possui" o corpo dela e a mente dela sai intacta, indo contra tudo o que os Revenants presenciaram até agora.
O presente magnífico de aniversário que a Kate ganhou do Vinci, me causando uma invejinha roxa, por não ter um desses na minha vida e desejando loucamente ser ela naquele aniversário romanticamente mágico até para ela mesma.
Uma história narrada pelo ponto de vista só da Kate (queria Vincent também, mas né) que me fez amar cada centímetro do Vincent juntamente com a Kate.
Além de conhecer diversos pontos de Paris, fugindo sempre do clichê e me levando a outros lugares, e quando disso isso, não é do romance deles e sim dos pontos que Vinci a levou por Paris! Sério, amei conhecer esses lugares, em termos, claro! HAHAHA
Uma história repleta de amor para dar e vender, além de ter um pouco de ação, para simplesmente tornar a história ainda melhor!



E não podia deixar de falar, que capa linda é essa?
A Editora Farol Literário está de parabéns com essa capa que me causou amor instantâneo!
Não importa o quê, esse livro foi um dos melhores da minha vida no quesito Young Adult.
Nada define mais do que: simplesmente apaixonada.



Vale super a pena ler. Leitura leve e gostosa, cheia de amor e ação!
amei cada página e amarei para sempre.



Onde comprar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário